Sazonalidade no nicho trófico da abelha-sem-ferrão Frieseomelitta meadewaldoi (Cockerell, 1915) (Hymenoptera, Apidae)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.33447/paubrasilia.2022.e0094

Palavras-chave:

Comportamento de forrageio, Pólen, Recursos florais

Resumo

Amostras de pólen de Frieseomelitta meadewaldoi foram analisadas para determinação das plantas utilizadas e respectivas frequências de ocorrência e diversidade, e assim testar se há correlação entre a diversidade de recursos com a temperatura ou a pluviosidade. Na estação chuvosa, F. meadewaldoi explorou 27 fontes florais, com maior riqueza de tipos polínicos de Fabaceae e Myrtaceae. Na estação seca, foram registrados 34 tipos polínicas, com maior riqueza associada a Fabaceae, Rubiaceae, Anacardiaceae e Myrtaceae. Fontes de recursos florais importantes e eventos de especialização temporária ocorreram em ambas as estações, com destaque para Coutobea, Eucalyptus, Ligaria teretiflora, Mimosa pudica, Mollugo verticillata, Myrcia, Richardia grandiflora e Tapirira guianensis. Não houve correlação entre diversidade de recursos polínicos e a temperatura ou pluviosidade, pois depende da disponibilidade de fontes de recursos florais. Assim, essa diversidade não diferiu entre os meses ou estações, pois o forrageio de F. meadewaldoi é semelhante ao longo do ano.

Downloads

Publicado

18.08.2022

Como Citar

BATISTA, R. O.; LIMA, L. C. L. e; SANTOS, F. de A. R. dos. Sazonalidade no nicho trófico da abelha-sem-ferrão Frieseomelitta meadewaldoi (Cockerell, 1915) (Hymenoptera, Apidae). Paubrasilia, Porto Seguro, v. 5, p. e94, 2022. DOI: 10.33447/paubrasilia.2022.e0094. Disponível em: https://periodicos.ufsb.edu.br/index.php/paubrasilia/article/view/94. Acesso em: 1 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos